Polícia prende grupo por obrigar cinco pessoas a trabalharem em festa clandestina em MT

85 0
Por g1 MT
Dois suspeitos tentaram se esconder em uma área alagada — Foto: Polícia Militar

A Polícia Militar prendeu, nessa quarta-feira (14), um grupo por obrigar cinco pessoas a trabalharem em uma festa clandestina em Pontes e Lacerda, a 483 km de Cuiabá. As vítimas também foram mantidas em cárcere privado. Ao todo, quatro suspeitos foram presos.

Um vídeo feito pela equipe de policiais mostra o momento em que dois suspeitos são encontrados em uma região de mata, onde tentaram se esconder.

Segundo a PM, uma equipe recebeu a denúncias de que suspeitos estariam mantendo vítimas em cárcere privado, nas proximidades do terminal turístico do município.

A polícia disse que as vítimas estariam sendo obrigadas a trabalhar em um local onde seria realizada uma festa clandestina, supostamente organizada por uma facção criminosa.

Com a chegada dos policiais ao local, os suspeitos fugiram para uma região de mata e, com isso, buscas foram iniciadas.

Ainda no local, cinco vítimas foram encontradas. Elas informaram à equipe que foram ameaças de tortura e morte pelos suspeitos.

Quatro homens foram encontrados nas proximidades do local e reconhecidos pelas vítimas. Dois deles estavam dentro de uma área alagada, na tentativa de não serem encontrados.