Pesquisadores descobrem grande volume de água subterrânea em rede de dutos naturais de MT

107 0
Por g1 MT
Pesquisadores descobrem dutos subterrâneos com grande volume de água — Foto: Assessoria

Uma rede de dutos subterrâneos naturais com grande volume de água foi descoberto por pesquisadores no distrito de Coqueiral em Nobres, a 151 km de Cuiabá. A pesquisa reuniu diversos profissionais, como geólogos, arqueólogos e pesquisadores liderados por Sergio Rhein Schirato, representante da Global Underwater Explorers (GUE) no país.

O resultado preliminar do estudo ainda apontou que o aquífero em cavernas encontrado é sensível à contaminação e, por isso, deve ser levado em conta durante a formulação de um planejamento hidrológico na região para garantir a preservação ambiental.

O trabalho faz parte de um projeto do Instituto de Geociências da Universidade de São Paulo (IGC-USP). Com os dados reunidos pela pesquisa, os pesquisadores poderão mapear a circulação das águas subterrâneas na região.

Além disso, os equipamentos eletrônicos utilizados pela equipe permitem fazer um levantamento da topografia subaquática para gerar um mapa tridimensional das cavernas.

O estudo busca compreender, também, a dinâmica de funcionamento do sistema subaquático, afinal todos eles estão conectados, com objetivo de entender como abastecem as nascentes e de que forma os efeitos de um local podem afetar outras regiões, já que estão interligados.

Segundo a pesquisa, um poluente que entre no sistema subaquático pode circular por longas distâncias em pouco tempo, o que exige um planejamento para assegurar a preservação ambiental.

O Brasil possui vários aquíferos, mas os dois principais são o Guarani que está situado na região centro-leste da América do Sul, abrangendo os estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, além dos Paraguai, Uruguai e Argentina. O aquífero Alter do Chão está localizado na região que compreende o Amazonas, Pará e Amapá.

Rede de dutos subterrâneos com grande volume de água em Nobres — Foto: Assessoria
Rede de dutos subterrâneos com grande volume de água em Nobres — Foto: Assessoria