Paciente sem máscara agride médica após caso de Covid-19 ser registrado dentro de hospital em MT

122 0
Por g1 MT
Médica é agredida em unidade de saúde por paciente — Foto: Reprodução

Uma paciente de 22 anos agrediu uma médica de 51 anos dentro do Hospital Municipal Osnir Bortolini em Itiquira, a 359 km de Cuiabá, após um caso de Covid-19 ser confirmado dentro da unidade. Por conta disso, a suspeita se alterou e ameaçou a profissional, que a orientou a usar máscara dentro do ambiente hospitalar.

O caso ocorreu na noite de sábado (24), quando a paciente estava sendo atendida e soube que um caso de Covid-19 havia sido confirmado na unidade. Com isso, ela ficou agressiva e disse que “ia ficar ruim” para a médica se ela contraísse a doença.

Em resposta, a profissional de saúde orientou que a paciente usasse a máscara, porque era de uso pessoal, ao que a suspeita retrucou dizendo que iria “quebrar a sua cara” e, em seguida, partiu para a agressão, deixando vários arranhões no rosto da médica e arrancando cabelos dela.

Funcionários do hospital foram até a sala e separaram as duas. Com a chegada dos policiais, a suspeita tentou se soltar dos militares, momento em que um homem, de 28 anos, questionou a abordagem e tentou impedir a ação ao empurrar um dos policiais.

Após os dois serem contidos, a polícia os levou para a delegacia, algemados. A Polícia Civil investiga o caso.