Homem é preso suspeito de maus-tratos a dois cães em MT; polícia investiga relação dele com vídeo de onças decapitadas

80 0
Por g1 MT
Polícia investiga origem do vídeo com duas onças decapitadas e uma terceira amarrada — Foto: Redes sociais

Um homem foi preso suspeito de maus-tratos a dois cães em Cáceres, a 250 km de Cuiabá, de acordo a Polícia Civil, neste sábado (1º). A polícia investiga a relação dele com o vídeo das onças mortas que viralizou nas redes sociais.

Nas imagens, um dos homens joga duas cabeças decapitadas de onça-pintada próxima a uma terceira, que estava amarrada a uma tora de madeira. Cães de caça ao fundo latem o tempo inteiro, presos a coleiras. A origem dessa gravação é investigada.

Segundo a polícia, o suspeito estava com dois cães que apresentavam sinais de maus-tratos e os policiais apuram se esses animais seriam aqueles que aparecem no vídeo. A prisão foi cumprida pelo Grupo Especial de Fronteira (Gefron).

A Delegacia Especializada do Meio Ambiente (Dema) informou que busca esclarecer se esse suspeito preso pelo Gefron é o responsável pelo vídeo envolvendo as onças decapitadas.