Roubo e furto – Polícia fecha cerco contra receptadores de celulares

79 0
Do: MidiaNews
Entre as vítimas está idosa de 74 anos; crimes ocorreram também em eventos musicais
A ação foi realizada pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG)

Dezoito pessoas flagradas em posse de aparelhos celulares produto de roubo ou furto foram autuadas pela Polícia Civil na terça-feira (30), na Operação Neon Blue, deflagrada pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG) para o combate ao crime de receptação.

A ação resultou na recuperação de 18 aparelhos celulares de origem ilícita, avaliados em mais de R$ 21 mil.

Segundo a delegada titular da Derf-VG, a operação teve como alvo pessoas identificadas nas investigações da delegacia, que estariam em posse de aparelhos celulares oriundos de roubos e furtos ocorridos este ano em Várzea Grande.

“É uma operação com foco no combate ao crime de receptação, uma vez que os crimes de roubos e furtos de aparelhos celulares ocorrem pelo fato dos criminosos saberem que tem para quem vender os produtos de origem ilícita”, explicou a delegada.

 

Roubos a transeuntes

Entre os casos investigados está um roubo ocorrido no mês de março, tendo como vítima, uma mulher de 36 anos que caminhava em direção a sua residência no bairro José Carlos Guimarães e que foi rendida por dois criminosos em posse de uma faca.

Ameaçando a vítima de morte, os suspeitos subtraíram o aparelho celular e outros pertences da vítima.

Em outro caso de roubo, desta vez cometido contra uma mulher de 20 anos, a vítima caminhava em direção ao supermercado, no bairro Jardim Paiaguás, quando foi abordada por dois homens em posse de arma de fogo. Os suspeitos anunciaram o roubo e subtraíram o celular da vítima.

Vítimas idosas

No mês de fevereiro, uma mulher de 63 anos, se encontrava no ponto de ônibus do bairro Jardim Glória, quando foi abordada por dois criminosos, munidos de arma de fogo, os quais subtraíram o aparelho da vítima.

No mês de março, uma idosa de 74 teve o aparelho celular subtraído do interior de sua bolsa, dentro de um transporte coletivo.

Furto em evento

Duas mulheres que estavam no camarote de um show nacional, realizado no pátio de uma universidade em Várzea Grande, também foram vítimas de furto durante o evento. O suspeito aproveitou o momento em que as vítimas filmavam o show, para subtrair os aparelhos celulares, empreendendo fuga, desaparecendo na multidão.