Padrasto e mãe são presos em flagrante suspeitos de torturar menino de 13 anos em MT

154 0
Por g1 MT
Padrasto e mãe são presos suspeitos de torturar menino — Foto: Polícia Civil/MT

O padrasto e uma mãe foram presos em flagrante por suspeita de torturar um menino de 13 anos em Sorriso, a 420 km de Cuiabá, de acordo com a Polícia Civil, na quinta-feira (11). A audiência de custódia dos dois está prevista para esta sexta-feira (12).

A mãe do menino deve responder por se omitir diante do crime cometido pelo companheiro contra o filho.

A polícia foi acionada pelo Conselho Tutelar na escola onde a vítima estuda. A criança apresentava diversas lesões nas costas provocadas por um cinto de couro que teria sido usado pelo padrasto. Segundo a polícia, ele teria dado uma surra no menino doias dias antes.

Ao ser acionada, a equipe do Núcleo de Atendimento a Vítimas de Violência Doméstica foi até a escola e encontrou o padrasto, que havia ido buscar o menino a pedida da mãe. No local, ele foi detido em flagrante.

À polícia, a vítima disse que costuma apanhar do padrasto por qualquer motivo. O adolescente contou também que, no fim de semana, foi espancado porque comeu um pão depois do almoço, de acordo com a polícia.

Conforme investigação dos policiais, o menino tem apresentado um desempenho lento na escola e que não recebe atendimento especializado.

Na delegacia, a mãe ainda tentou dificultar o trabalho da polícia ao se recusar a informar onde estava a certidão de nascimento da vítima. Segundo a polícia, ela teria desacatado a equipe de policiais na unidade, o que também motivou a prisão em flagrante.