Campo Verde realiza Fórum Municipal de Cultura

62 0
De: Prefeitura Municipal de Campo Verde

Com eventos já tradicionais, como o Festival de Teatro e o Festival da Canção e várias outras manifestações artísticas Campo Verde tem uma cena cultural cada vez mais crescente em razão do apoio dado pela Administração Municipal e também pelo Governo do Estado.

E como forma de consolidar ainda mais a cultura no cenário local, a Secretaria Municipal de Cultura, Lazer e Esportes realizou, na última quinta-feira, o II Fórum Municipal de Cultura. Realizado no Plenarinho da Câmara, o evento contou com a presença do secretário municipal de Desenvolvimento Econômico Henrique Soares, do Secretário de Cultura, Lazer e Esporte Clemilson Carvalho, do vereador Gregório do Mercado Popular, da vereadora Socorro dos Santos Souza e de representantes da Secretaria Estadual de Cultura, Esporte e Lazer.

Conforme comentou o supervisor de Cultura de Campo Verde Charles Pierre, o Fórum de Cultura é um espaço democrático para o debate de propostas e ideias que visam fortalecer ainda mais a cena cultural local. “Esta é a melhor oportunidade que toda a classe artística tem para reunir, debater e trazer contribuições para o plano de cultura”, observou ele. “Tudo que puder contribuir para o processo cultural é ganho para toda a sociedade. O Poder Público tem esse papel ativo de buscar a sociedade, buscar a classe cultural para preencher algumas lacunas e ativar alguns setores. Parabéns a Prefeitura pela iniciativa”, completou.

Representante da Secretaria Estadual de Cultura, o superintendente de Políticas Culturais da SECEL Raphael Cossan Dourado enfatizou que é fundamental a realização de eventos que proporcionem à sociedade e aos integrantes da classe cultural, a oportunidade do debate visando o avanço do setor.

“Durante a realização do Fórum, a população pôde debater e interagir, usando o espaço para troca de experiências. Eu diria que o ponto alto foi a leitura das metas e sua revisão, afim de chancelar e encaminhar o Projeto de Lei para a Câmara Municipal”, destacou o supervisor de Cultura Charles Pierre.

Conforme informou ele, o Plano Municipal de Cultura é formado por cinco eixos e diretrizes, sendo elas: Do Município – Gestão da Cultura, Da Diversidade Artística e Cultural, do Acesso à Cultura, Do Desenvolvimento Sustentável – Economia Criativa, Da Participação e Controle Social. O Plano Municipal de Cultura, depois de aprovado e enviado à Câmara de Vereadores, terá duração de 10 anos.  Charles Pierre avaliou de forma positiva a realização do Fórum.