Morre Manoel Dresch, empresário que era dono do Cuiabá

184 0
Por Redação do ge — Cuiabá

Morreu no fim da noite do último domingo Manoel Dresch, empresário que era um dos donos do Cuiabá. Ele tinha 66 anos e foi vitimado por um câncer no cérebro.

Manoel Dresch, à esquerda, ao lado de Gaúcho — Foto: Divulgação/Cuiabá EC
Manoel Dresch, à esquerda, ao lado de Gaúcho — Foto: Divulgação/Cuiabá EC

Manoel Dresch era pai do presidente do clube, Alessandro Dresch, e do vice-presidente, Cristiano Dresch, além de irmão de Aron Dresch, presidente da Federação Matogrossense de Futebol (FMF).

O empresário, ao lado da família, foi responsável por fundar a Drebor, empresa de recapagem de pneus. Em 2003, iniciaram o patrocínio ao Cuiabá, que à época pertencia ao ex-jogador e fundador do clube Gaúcho.

Em 2009, Manoel teve a ideia de adquirir o Cuiabá. Iniciava-se a “Era Dresch”, que levou o clube ao ápice de sua história com a chegada à Série A do Campeonato Brasileiro.

O Cuiabá declarou luto e anunciou a suspensão das atividades no clube nesta segunda-feira, com retorno na terça-feira.

– Obrigado por tudo, Manoel! Seguiremos trabalhando para honrar o seu legado e orgulhar ainda mais o estado de Mato Grosso – escreveu o Cuiabá em suas redes sociais.

A FMF e outros clubes do estado também manifestaram pêsame pela morte de Manoel Dresch.