Três homens são presos e polícia investiga suspeita de tráfico de drogas após queda de avião em MT

30 0
Por Gustavo Nolasco e Rogério Júnior, TV Centro América e g1 MT
Avião caiu na região de Itapaiuna, em Juara, a 690 km de Cuiabá — Foto: Cedida

Três homens de 29, 31 e 33 anos, foram presos, nesse domingo (22), suspeitos de darem apoio às pessoas que estavam na aeronave que caiu na região de Itapaiuna, em Juara, a 690 km de Cuiabá, de acordo com a Polícia Militar. O avião de pequeno porte teria sido roubado no Piauí e, próximo ao local da queda, tem uma pista de pouso. Os ocupantes do veículo fugiram após o acidente e a polícia investiga possível uso para tráfico de drogas.

Segundo a PM, os três suspeitos foram detidos em uma caminhonete, quando eles jogaram os celulares para fora do carro, o que chamou atenção da polícia. Segundo a corporação, foi apreendido seis tambores de combustível, totalizando 360 litros.

Ao serem questionados, os suspeitos apresentaram três versões diferentes, a princípio indicando que o produto seria usado para abastecer um barco, depois que seria para uma máquina e, por fim, para garimpo. Depois disso, a polícia encontrou o avião caído e um tambor vazio de combustível no local.

Segundo a Polícia Civil, o avião era tripulado por duas pessoas que seriam bolivianas. Eles tentaram fazer um pouso de emergência, quando perderam o controle da direção e caíram.

Uma das vítimas ficou com lesões na cabeça e na perna, porém negou socorro médico. A vítima que não estava lesionada colocou uma mochila nas costas e saiu a pé, entrando na região de mata.

A primeira vítima contou à polícia que precisava de um lugar com internet e pegou uma carona, mas no meio do caminho ficou nervosa e pediu para descer na estrada, e também entrou na região de mata.

Durante a ação, a polícia descobriu que o avião foi pintado recentemente e havia alguns adesivos na lataria. Foi identificado que a plaqueta de identificação da aeronave era divergente da que estava no avião. Dentro da aeronave foram apreendidos dois GPSs, um rádio HT, um diário de bordo e uma pasta com manuais e carta de rota.

A polícia investiga se o avião estava na região para tráfico de drogas e os ocupantes da aeronave ainda não foram encontrados. A Delegacia de Juara investiga o caso.