Sistema de monitoramento de Campo Verde contribuiu para prisão de autor confesso de duplo homicídio ocorrido em Cuiabá

31 0
De: Prefeitura Municipal de Campo Verde

O delegado de Polícia Civil de Campo Verde, Philipe de Paula da Silva Pinho, destacou que o sistema de monitoramento eletrônico do Município contribuiu de forma significativa para a localização e prisão do autor confesso de um duplo homicídio registrado em Cuiabá na tarde de quarta-feira (18).

De acordo com o delegado, após atirar contra Thays Machado, com quem o autor manteve um relacionamento por dois anos, e também contra Willian César Moreno, atual namorado de Thays, C. A. G. B. fugiu em um Kwdi branco.

Conforme informou o delegado, horas depois o veículo foi filmado pelas câmeras OCRs do sistema de monitoramento eletrônico, entrando em Campo Verde e depois saindo em direção a Dom Aquino, pela rodovia MT-344.

As imagens, segundo o delegado, levaram a polícia a deduzir que o autor do duplo homicídio estivesse escondido em uma fazenda da família, localizada nas proximidades do Assentamento 4 de Outubro, a cerca de 20 quilômetros da cidade, onde aconteceu a prisão. Na delegacia, ao ser ouvido, C. A. G. B. confessou o assassinato do casal.

Campo Verde conta com monitoramento eletrônico formado por 93 câmeras normais e outras 10 com leitor OCR, além de mais de 70 câmeras de moradores integradas ao sistema de modo colaborativo. O sistema é considerado modelo para os demais municípios de Mato Grosso.

Esse aparato tecnológico poderá ser ampliado com a implantação do Programa Vigia Mais MT, apresentado ao prefeito Alexandre Lopes na última quarta-feira (18) pelo secretário-adjunto de Integração Operacional da Secretaria Estadual de Segurança Pública, Cláudio Fernandes Carneiro Tinoco. O projeto prevê o repasse de mais 161 câmeras para Campo Verde. Numa primeira etapa serão repassadas 51 câmeras fixas, 4 speed dome e 4 OCRs.