Prefeitura confirma cancelamento do feriado de aniversário de Cuiabá

46 0
Por g1 MT
Aniversário de 303 anos de Cuiabá não será feriado — Foto: Mayke Toscano/Secom-MT

O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB) confirmou que a próxima sexta-feira (8) será ponto facultativo e não feriado em razão do aniversário de 303 anos da capital.

Emanuel destacou que o setor de eventos chegou a pedir mudanças no decreto e estabelecer feriado na sexta. No entanto, segundo o prefeito, o pedido desagradou o setor do comércio e gerou impasse com o município.

De acordo com o prefeito, em dezembro de 2021 foi feito um acordo com o setor do comércio para transformar feriados de 2022 em pontos facultativos.

Emanuel Pinheiro confirmou a informação em transmissão ao vivo nesta terça-feira — Foto: Luiz Alves/Secom
Emanuel Pinheiro confirmou a informação em transmissão ao vivo nesta terça-feira — Foto: Luiz Alves/Secom

A medida foi estabelecida para permitir a abertura do comércio e ajudar a amenizar as perdas por conta de período de fechamento do comércio no isolamento social.

O documento também cita que datas municipais religiosas são consideradas feriado.

A medida foi publicada devido ao impacto econômico aos estabelecimentos comerciais causado pela pandemia da Covid-19.

Efeitos econômicos

De acordo com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), cada dia não trabalhado pode refletir, em média, 5% de menos receitas financeiras para a empresa, em alguns casos, principalmente nos feriados prolongados, esse percentual pode chegar a 7%.

Quanto à abertura de bancos, repartições públicas municipais e estaduais, a CDL solicitou para que possam os locais abrir normalmente e aguarda o retorno das instituições.

  • Já no dia 15 de abril, sexta-feira da Paixão de Cristo, será feriado e o colaborador não poderá ser convocado para o trabalho.
  • No dia 21 de abril, Tiradentes, o funcionário poderá ser convocado, porém terá o direito de receber hora de trabalho em dobro.