Jovem mata catador com martelo e tesouradas e filma corpo

28 0
Do: MidiaNews
Ela afirmou à Polícia que “tinha vontade de matar”; o crime ocorreu em Primavera do Leste
A assassina filmou a vítima morta segurando o martelo usado no crime

Uma jovem de 19 anos foi presa na noite de quinta-feira (28) após matar o catador de latinhas Amarildo Roberto da Silva, de 50 anos, com golpes de martelo, faca e tesouradas em Primavera do Leste (a 236 km de Cuiabá).

Após cometer o assassinato, a jovem gravou um vídeo mostrando o corpo da vítima e na sequência se entregou à Polícia.

Na imagem gravada, a mulher aparece segurando o martelo usado no crime enquanto Amarildo está sentado em uma cadeira todo ensanguentado. A reportagem optou por não mostrar, por considerar o conteúdo forte demais.

“Essa daqui é uma vítima minha, martelada e tesourada”, disse ela no vídeo. As imagens foram encaminhadas aos familiares da jovem.

O delegado Rodolpho Bandeira relatou ao programa Mais Mato Grosso que após ser presa em flagrante, a jovem prestou depoimento e confessou o homicídio. Ela disse que “tinha vontade de matar”.

De acordo com o delegado, a mulher não tinha nenhuma relação com o catador e o atraiu para a quitinete dela. No imóvel, ela esperou Amarildo ficar distraído para atacá-lo sem dar chance de defesa.

De acordo com o boletim de ocorrência, a Politec apreendeu na residência da jovem uma faca, um martelo e uma tesoura.

Ela foi autuada em flagrante por homicídio doloso, quando há intenção de matar, e permanece detida na delegacia.

O delegado afirma que a jovem passará por exames de sanidade mental para identificar se tem algum distúrbio, como psicopatia, já que durante todo o depoimento apresentou um comportamento frio ao descrever o crime.

O caso segue sob responsabilidade da Polícia Civil de Primavera do Leste.