Alvo de operação da PF em MT abriu diversas contas na Caixa e está preso por outra investigação

62 0
Por g1 MT
Polícia Federal deflagrou operação Stellios na manhã desta quarta — Foto: Polícia Federal

O principal alvo da operação ‘Stellios’ da Polícia Federal (PF) contra uma quadrilha que fazia empréstimos com documentos falsos na Caixa Econômica Federal já está preso no estado de Goiás devido a uma investigação semelhante, segundo a delegada Mayla Akemi Kawazoi.

A delegada fez a oitiva de duas mulheres que foram alvos da operação deflagrada nesta quarta-feira (9). A operação ‘Stellios’, segundo a polícia, tem por objetivo saber mais detalhes de como esse esquema funcionava e quem participava, além de combater essas fraudes na contratação de empréstimos.

As investigações identificaram um homem como o sendo responsável pelas identidades e documentos falsos, ele fazia isso para passar para terceiros.

“Esse alvo principal já se encontra preso no estado de Goiás, ele responde por outra investigação pela mesma natureza de crime. O investigado também já foi condenado no estado de Rondônia”, disse.

De acordo com a delegada, as buscas realizadas nesta quarta tinham a finalidade de identificar terceiros participantes do esquema criminoso de empréstimos com documentos falsos.

Foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão. A delegada também a oitiva de duas mulheres, suspeitas de participação no esquema.

A operação
Polícia cumpriu dois mandados de busca e apreensão em Cuiabá — Foto: Polícia Federal
Polícia cumpriu dois mandados de busca e apreensão em Cuiabá — Foto: Polícia Federal

Os investigadores identificaram que várias contas foram abertas pelas mesmas pessoas em diferentes cidades do estado, dentre elas Cuiabá, Cáceres e Rondonópolis.

O nome da operação é uma expressão grega que dá origem a palavra ‘estelionato’, e faz referência a um animal que se camufla para enganar suas presas.