Prefeitura de Campo Verde lança nesta sexta-feira (14) o Programa Mais MT Cirurgias em parceria com o Governo do Estado de Mato Grosso

13 0
De: Prefeitura Municipal de Campo Verde

2.773 campoverdenses foram contemplados para a realização de procedimentos cirúrgicos. O objetivo é reduzir a fila de espera e dar mais qualidade de vida para os pacientes.

O prefeito Alexandre Lopes recebe o secretário estadual de saúde de Mato Grosso, Gilberto Figueiredo, para o lançamento oficial do Programa Mais MT Cirurgias, nesta sexta-feira (14), no CAI, Centro de Atendimento ao Idoso, em Campo Verde. Ao todo, 2.773 procedimentos cirúrgicos serão realizados em pacientes que estão na lista de espera do programa.

Durante a cerimônia, cem pacientes irão receber um comunicado de contemplação das cirurgias agendadas através do Programa do Governo de Estado em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Campo Verde. Diversos procedimentos serão realizados como cirurgias oftalmológica, ortopédica, otorrino, ginecológica e urológica.

“Nós acreditamos que oferecer o atendimento aos pacientes que esperavam por essas cirurgias é algo necessário para dar a essas pessoas todos os cuidados com a saúde para que tenham mais qualidade de vida. Nós, enquanto gestão municipal, ficamos felizes e com a sensação de que estamos cuidando da população e, vamos fazer ainda muito mais na área da Saúde”, diz o prefeito Alexandre Lopes ao ressaltar a importância da parceria com o Governo Mato Grosso.

O programa Mais MT Cirurgias, lançado em julho de 2021, visa realizar 138 mil cirurgias e cerca de 70 mil procedimentos eletivos em todo o estado de Mato Grosso. O objetivo é reduzir a fila de espera em cada município do estado. O investimento total é de R$ 105 milhões na Saúde em parceria com os 141 municípios do estado.

O Governo de Mato Grosso, por meio dos Hospitais Regionais geridos pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), realizou um total de 77.856 atendimentos eletivos, de julho a novembro, entre consultas, cirurgias, procedimentos ambulatoriais e serviços de diagnósticos.
Segundo o secretário Gilberto Figueiredo, o objetivo é facilitar o acesso dos procedimentos de alta complexidade e ambulatoriais, “essa é uma demanda que será executada conforme as propostas apresentadas pelos municípios”.

Em Campo Verde, a prefeitura contemplou pacientes que estavam na fila de espera e que dependem das cirurgias para terem melhor qualidade de vida.