Rapper responde a 12 processos por fãs pisoteados e mortos

42 0
Por IstoÉ
A família de um dos feridos busca uma compensação de US$ 1 milhão, cerca de R$ 5,54 milhões
Travis Scott

Ao menos doze processos foram abertos contra o rapper Travis Scott e os organizadores do festival de música Astroworld, onde oito pessoas morreram pisoteadas na sexta-feira (5).

O rapper Drake, que fez uma aparição surpresa no festival, foi incluído em uma das ações.

A família de um dos feridos busca uma compensação de US$ 1 milhão, cerca de R$ 5,54 milhões.

“Estamos enojados pela tragédia devastadora de sexta à noite. Travis Scott já tem um histórico de incitar a violência e criar condições perigosas para o público”, afirmou o advogado de uma das pessoas feridas em nota ao canal NBC News.