Escola Paraíso, no Limeira, passará por primeira reforma completa após 30 anos de fundação

44 0

De: Prefeitura Municipal de Campo Verde

A Escola Municipal Paraíso, fundada em 1991 na comunidade Limeira, em Campo Verde, nunca passou por uma reforma completa em mais de 30 anos. Isso mudará a partir de agora. O prefeito Alexandre Lopes e a secretária de Educação do município, Simoni Borges, assinaram na sexta-feira (5) a Ordem de Serviço para reforma completa que custará quase 1 milhão de reais.

A Escola Paraíso atende a 220 crianças das fazendas daquela região e vai passar por reforma de edificações, telhado, troca da parte elétrica, pintura interna e externa de todas as salas e todas as demais demandas no local. A obra vai custar o total de R$ 938.658,87.

De acordo com Simoni Borges, a demanda pela reforma na Escola Paraíso é antiga e já recebeu vários projetos. No entanto, foi necessário pensar num plano maior para atender a todas as necessidades.

“Demoramos oito meses para definirmos o projeto e chegar nesse momento, mas conheço a história das necessidades dessa escola há três anos, quando ainda estava na Secretaria de Planejamento. As propostas anteriores não contentavam e não atendiam por completo as demandas dessa comunidade escolar. Não adiantava só pintar, como foi feito antes, com a estrutura caindo, por exemplo. Essa obra precisa ser olhada além do portão da escola. Temos outros problemas. Então analisamos muito bem, trouxemos as equipes, fizemos várias analises e agora temos esse projeto que é um alto investimento”, explicou.

Além de um ambiente escolar, a Escola Paraíso é também um potente local de convivência daquela comunidade, muitas vezes sendo o único momento em que as crianças convivem com outras da mesma idade, levando em conta que moram em fazendas.

“A escola vai ser atendida verdadeiramente em suas necessidades. Preferimos fazer esse esforço e atender devidamente e o trabalho será de alta qualidade. É quase um milhão na obra e depois ainda virão outros investimentos: ares-condicionados, computadores, mobiliário. Esse espaço vai além da escola ficar agradável para a comunidade, vamos revitalizar também do lado de fora, pois aqui também é um lugar potente de convivência e precisa ser olhada dessa forma”, afirmou.

O prefeito Alexandre Lopes convocou a comunidade a acompanhar as obras e ter a certeza de que tudo saia com a alta qualidade prevista no contrato firmado.

“Nossa preocupação é fazer bem feito, não importa o que seja. Venham fiscalizar a obra, cobrem, nos avisem. Temos feito esse esquema com muita austeridade, justamente para aumentar o nível dos investimentos, dentro daquilo que a sociedade merece e paga para ser feito. Chegou a vez do Limeira, chegou a vez da Escola Paraíso, então que vocês levem essa mensagem a seus familiares, digam que realmente já foi licitado, já foi assinado o contrato e agora a ordem de serviço. Já está tudo preparado e já pode começar. É uma obra relevante e vai ficar ótima. Tenho dito onde vou e repito: os transtornos passam e os benefícios ficam”, concluiu.