Seca se intensifica e quebra mais uma vez nível histórico do Rio Paraguai

29 0
Do: Olhar Direto
Foto: Ronivon Barros

A seca no Rio Paraguai em Cáceres (220 quilômetros de Cuiabá) se intensifica a cada dia e o nível d’água caiu ainda mais. Entre os dias 26 e 30 de setembro a Marinha do Brasil mediu 26 cm, sendo novamente o menor valor do ano e da sua história, para este período, desde 1965. Em agosto, o menor nível foi de 40 cm.

De acordo com o Clima Tempo, a tendência é de que com as chuvas de outubro e novembro o nível do rio se eleve gradualmente. No entanto, ainda não deve ser suficiente para reverter o déficit hídrico.

Desde 2019, a região do Pantanal recebeu poucas chuvas e vem enfrentando com um período de seca grave à severa. Segundo os dados interpolados, foram apenas 277,4mm de chuva entre 1° de janeiro de 2021 e 5 de outubro de 2021 na região de Cáceres, sendo o menor volume de chuva neste período dos últimos 22 anos.

Foram poucas chuvas na região do Pantanal em setembro, com menos de 25mm pela área do Mato Grosso do Sul e entre 25 e 50mm na região do Mato Grosso. Com valores entre 25 e 100mm abaixo da média.