Motorista invade canteiro com homenagem às vítimas da Covid-19 e destrói cruzes em Cuiabá

28 0
Por g1 MT

Um motorista invadiu o canteiro central da Avenida do CPA, em Cuiabá, e destruiu um manifesto feito pelo Observatório Social de Mato Grosso. Mais de 100 cruzes e balões foram colocados no canteiro, nesta segunda-feira (25), em memória das mais de 14 mil vítimas da Covid-19 no estado.

Carro sobe em canteiro e destrói homenagem às vítimas da Covid-19 em Cuiabá — Foto: Pedro Fim/Observatório Social
Carro sobe em canteiro e destrói homenagem às vítimas da Covid-19 em Cuiabá — Foto: Pedro Fim/Observatório Social

De acordo com Pedro Fim, organizador do ato, as cruzes haviam sido colocadas no início desta manhã. Faixas também foram distribuídas pelos viadutos da capital.

Segundo o observatório, a ideia era manifestar a tristeza pelas vítimas e também indignação em razão da gestão pública que poderia ter evitado as mortes e minorado as consequências.

Carro sobe em canteiro e destrói homenagem às vítimas da Covid-19 em Cuiabá — Foto: Pedro Fim/Observatório Social de MT
Carro sobe em canteiro e destrói homenagem às vítimas da Covid-19 em Cuiabá — Foto: Pedro Fim/Observatório Social de MT

“Estávamos dando a volta e vimos o motorista avançando dentro do canteiro. Ficamos assustado na hora, com medo de que ele pudesse bater no nosso carro ou algo assim. Depois, vimos que ele foi embora e ficamos triste pela situação. Não sei o que motivou ele a fazer isso, mas é uma ação bastante desproporcional a um ato tão pacífico e silencioso”, conta Pedro.

Ele afirma que não sabe o porquê da ação e que o manifesto é apartidário. Ainda não houve registro de boletim de ocorrência, nem identificação do motorista.

Manifesto homenageia às vítimas da Covid-19 em Cuiabá — Foto: Pedro Fim/Observatório Social de MT
Manifesto homenageia às vítimas da Covid-19 em Cuiabá — Foto: Pedro Fim/Observatório Social de MT

O manifesto exprime a preocupação e a organização sem fins lucrativos pede ao Poder Legislativo a instauração de uma CPI da pandemia, para apurar as ações e omissões do poder executivo no combate à Covid-19 no estado e nos municípios, principalmente na capital.

Homenagem às vítimas da Covid-19 em Cuiabá — Foto: Pedro Fim/Observatório Social de MT
Homenagem às vítimas da Covid-19 em Cuiabá — Foto: Pedro Fim/Observatório Social de MT
Eles também pedem que o governador seja investigado pelos indícios de corrupção na aquisição de vacina da Davati, pela realização de gastos com a pandemia sem a devida transparência e pela contratação de serviços de UTI de qualidade desproporcional aos altos valores pagos.